Desembargador Virgílio Fernandes se despede como presidente do TRE-RN

Desembargador Virgílio Fernandes se despede como presidente do TRE-RN

Desembargador Virgílio Fernandes se despede como presidente do TRE-RN

Em sua última sessão no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RN), o presidente da Corte Eleitoral, o desembargador Virgílio Fernandes prestou contas desse ano à frente do Regional e foi homenageado pelos colegas que, por unanimidade, elogiaram a gestão compartilhada e o perfil de um administrador centrado e que muito honrou seu mandato.

O desembargador, que será substituído pela desembargadora Zeneide Bezerra na próxima sexta-feira, assumirá a corregedoria e a vice-presidência do TRE-RN com o sentimento de dever cumprido. Como falou, em seu discurso de posse, não lhe faltou ânimo para enfrentar os problemas e buscar soluções quando foi preciso.

“A Justiça Eleitoral, segmento peculiar do Poder Judiciário, enquanto Órgão que, a um só tempo, planeja, executa normatiza e julga, permite-nos uma vivência ímpar de todo o processo trilhado até a consecução de seu objetivo maior, qual seja, a realização das eleições. No período de Setembro de 2014 a Agosto de 2015, pude presenciar o quão interessante e desafiante é a atuação desta Casa que atua em tantas outras atividades, sejam de ordem administrativa ou jurisdicionais. Nesta seara, ressalto o projeto da Biometria, que imprime maior segurança à identificação do eleitor; a retomada da obra da nova sede e a capacitação de servidores”, destacou o presidente.

Em resumo, o desembargador Virgílio apresentou o resultado de todo o trabalho desenvolvido jurídico e administrativamente. Foram 120 sessões plenárias entre ordinárias, extraordinárias e solenes, nas quais foram realizadas várias ações.

De acordo com resumo do relatório de gestão, foi realizado o ajuste orçamentário, retomada a construção do prédio-sede e se deu continuidade a política de gestão dos imóveis existentes; em relação aos servidores, foram nomeados novos servidores aprovados no último concurso, executada a política de capacitação e de saúde do servidor, revisada a jornada de trabalho e em fase de finalização se encontra o projeto de gestão por competência, além da continuidade em investimento em tecnologia da informação e na comunicação.

Em relação às eleições gerais 2014 destaca-se a normalidade, tanto no que diz respeito à votação como à totalização dos votos no 1º e 2º turnos e, ainda, foi destaque a proposta a proposta orçamentária das eleições municipais do próximoano já enviada ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e o planejamento das ações que já vem sendo elaborado pelos servidores tanto da sede como das zonas eleitorais, por meio de grupos de trabalho com temas relevantes para a eleição.

No mesmo viés, a desembargadora Maria Zeneide apresentou um relatório das ações que foram desenvolvidas enquanto Corregedora Eleitoral. Entre os feitos foram 156 processos concluídos, 80 distribuídos, 1623 processos administrativos eletrônicos, entre outros números. Destacando-se a implantação da Correição Virtual que junto com a correição presencial atingiu 56,5% das Zonas Eleitorais. 

A próxima presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN), desembargadora Zeneide Bezerra, toma posse às 17h dessa sexta-feira, no Cine Teatro Municipal de Parnamirim, sua terra Natal. Na mesma solenidade, será empossado o próximo vice-presidente e corregedor regional eleitoral, desembargador Virgílio Macêdo. Os dois continuarão à frente da administração da instituição até setembro do próximo ano.

Maria Zeneide Bezerra nasceu em Parnamirim. Foi nomeada juíza de direito em setembro de 1980 e atuou nas comarcas de Touros, São Gonçalo do Amarante, Tangará e Ceará-Mirim, tendo sido nomeada desembargadora do Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte em setembro de 2010.

Virgílio Macêdo Júnior é natural de Natal. Foi nomeado juiz de direito em dezembro de 1986 atuando primeiramente na comarca de Augusto Severo. Em seguida, assumiu as comarcas de São José de Campestre, Areia Branca, Macaíba e Natal. Em março de 2010 foi nomeado desembargador do Tribunal de Justiça do Estado.

Últimas notícias postadas

Recentes