EJE-RN debate cidadania com crianças das Quintas

EJE-RN debate cidadania com crianças das Quintas

TRE-RN - EJE-RN debate cidadania com crianças das Quintas  (2)

A Escola Judiciária Eleitoral do TRE-RN (EJERN) realizou na última quarta-feira (6) o evento "Cidadania em ação pelo futuro", em comemoração aos 300 anos do Bairro das Quintas. O auditório do Centro de Operações da Justiça Eleitoral (COJE) ficou lotado com estudantes e professores de escolas públicas do bairro.

O encontro contou com a participação de 265 crianças e pré-adolescentes, entre 10 e 13 anos, alunos das escolas públicas estaduais e municipais das Quintas. As turmas foram acompanhadas pelos professores e auxiliares.

Na mesa de abertura, estiveram presentes o Chefe do Gabinete da Presidência do TRE-RN, Josoniel Fonseca, o Secretário de Administração e Orçamento do TRE-RN e Diretor-geral em exercício, Marcos Lael, o Diretor da EJE-RN, Juiz Ricardo Tinoco, a vice-presidente da OAB-RN, advogada Marisa Almeida e a tesoureira da ANATRA, Roberta Soares.

Representando a Presidência do regional potiguar, Josoniel Fonseca deu as boas vindas aos participantes e destacou a importância de se debater a cidadania para a formação política das crianças e jovens. O juiz Ricardo Tinoco também reforçou a relevância de ações como esta, que homenageia o bairro tricentenário de Natal, através do incentivo ao debate social e político para as novas gerações.

O diretor da EJE-RN parabenizou diretamente dois servidores da EJE-RN que organizaram a logística do encontro: Ligia Limeira e Sólon Almeida. Durante a programação, os participantes assistiram vídeos lúdicos, discorrendo sobre valores éticos morais, que foram refletidos e debatidos por Ligia Limeira e Sólon Almeida. Em seguida, todos assistiram a palestra do auditor fiscal Wander Franco. 

Wander Franco ministra palestra educativa

Com o tema "Estudar Muda sua vida", o auditor fiscal de Natal, Wander Franco conversou com os participantes e mostrou o seu exemplo de superação. Wander Franco é formado em Administração e especialista em Direito tributário e Administração Pública. O auditor é deficiente físico, não tem os dois braços, e é através de seu exemplo de superação, que ele mostra como o estudo e a força de vontade foram fundamentais para vencer os obstáculos vividos e alcançar os objetivos idealizados.

“Sempre passo isso para o jovens: que estudando a vida pode mudar! Falo um pouco da minha vida, como consegui entrar na universidade pública, passei em concurso público, hoje eu continuo estudando e tenho minhas pós-graduações. Desde criança, os pais e a escola devem incentivar os estudos. Sei que existem os boicotadores ao redor, principalmente para as crianças e jovens de periferia, mas que mesmo assim, sejam persistentes e não desistam”, destacou Wander. No encerramento do evento foi servido lanche para as crianças.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Últimas notícias postadas

Recentes